Tudo sobre Telecaster, a primeira Guitarra Fender

Guitarra Telecaster preta no chão de madeira encostada num amplificador Vintage. Em volta sofás pretos de couro.
Telecaster modelo anos 60. Reprodução: Fender.

A Telecaster permeia por vários estilos musicais e ganha diversas modificações ao longo do tempo desde de seu lançamento. Essa Guitarra Fender também é encontrada em versões da marca Squier num preço mais acessível e de outros fabricantes.

História

Apesar da Stratocaster ser a guitarra mais conhecida do mundo, foi a Broadcaster – hoje com o nome de Telecaster – que surgiu primeiro, em 1949! A troca do nome foi a pedido da marca estadunidense Gretsch, que já produzia baterias e banjos intitulados Broadkaster

Assim como sua irmã mais nova Strato, a Tele também é uma guitarra extremamente versátil, atendendo diversos estilos musicais como o country, reggae, rock, pop, folk, soul, R&B, blues, jazz, punk e até heavy metal

Pra ouvir: Barbara Lynn, guitarrista, cantora e compositora estadunidense de blues e electric blues, toca em 1966 sua Telecaster num programa de TV. Lynn começou sua carreira em 1962 e continua em atividade até hoje aos 78 anos.

Construção tradicional

Imagem imitando o documento de patente da Fender do modelo Telecaster em 14 de Agosto de 1951. A guitarra de frente, de lado e de costas.
Patente Fender do modelo Telecaster. Agosto de 1951. Reprodução: Fine Art America.

Design

O design do corpo da Telecaster é simples e reto. Ela é bastante simétrica e equilibrada, por isso, tende a ficar na horizontal em relação ao corpo da pessoa que a toca.

Esse guitarra foi uma das primeiras de corpo sólido a ser produzida em massa no mundo e foi com ela que se popularizou o método de construção em que o braço é parafusado ao corpo.

Na construção clássica, esse modelo possuía dois captadores single coil, uma chave seletora de 3 posições, escudo e uma ponte com três carrinhos de liga de latão.

O Cinzeiro

Também era incluso o “cinzeiro” – uma proteção de metal que foi desenvolvida pra proteger os carrinhos e dar um upgrade no visual da guitarra. Porém muita gente preferia não usá-la pois ela impossibilitava string muting (técnica para silenciar as cordas que não estão sendo tocadas).

Guitarra Fender Telecaster Classic 60’s com a proteção cinzeiro. Reprodução: Fender Squier Oficial.

Braço

O braço da Telecaster mede aproximadamente 25.5 polegadas do nut (pestana) até a ponte e geralmente possui 21 trastes na escala. Essa característica se manteve até a atualidade nesse modelo e também em outros modelos da Fender como a Stratocaster e a Jazzmaster.

Hoje em dia existem versões Squier construídas de forma muito similar às tradicionais, como a Squier Telecaster Classic Vibe 60’s.

A Squier é uma marca da Fender, comprada pela empresa no ano de 1965. O intuito era de reproduzir versões dos modelos da Fender com preços mais atrativos mas com maior qualidade do que as marcas concorrentes que já faziam cópias dos originais Fender. No entanto, atualmente a Squier também produz instrumentos originais e exclusivos.

Corpo de Tele

Apesar de manter um padrão no formato do corpo, é possível encontrarmos diversas variações de madeira, pintura, escudo e construção.

A Guitarra Fender Telecaster Signature Brad Paisley, por exemplo, foi lançada com construção padrão, porém suas cores são bem diferentes das tradicionais. Confira ela no site da Musica Center aqui.

Telecaster Semi Acústica

A Telecaster também ganhou versão Semi Acústica.

Esse modelo surgiu quando a madeira originalmente usada na fabricação tornou-se escassa e por consequência mais cara. A alternativa que encontraram foi construir com outro tipo de madeira. Esta preservava a sonoridade característica da Tele, porém era mais pesada do que a anterior e muitas guitarristas não gostaram dessa mudança. Foi então que a versão semi acústica foi inventada em 1968 e lançada em 1969, diminuindo pela metade o peso do instrumento.

Thom Yorke, vocalista e guitarrista de Radiohead num show segurando sua telecaster semi acústica preta com escudo branco, de escala clara e um adesivo branco e vermelho próximo à ponte.
Thom Yorke em show usando sua Guitarra Fender Telecaster Semi Acústica. Reprodução: Pinterest.

Ponte e carrinhos

A Guitarra Fender Telecaster possui ponte fixa e por isso tende a segurar muito bem a afinação. A quantidade de carrinhos (saddles) varia entre 3 ou 6, geralmente fabricados em latão ou aço. 

As primeiras Teles foram fabricadas com 3 carrinhos, e esse é o modelo mais tradicional. Porém, as pontes com 6 carrinhos permitem ajuste de entonação com mais facilidade e precisão.

Esta Edição especial da Fender possui ponte com 6 carrinhos e 2 captadores humbucker Seymour Duncan. Você encontra à venda aqui.

Cordas

No modelo tradicional as cordas passam sobre os carrinho, por dentro da guitarra e são presas na parte de trás do corpo. Isso significa que mais da vibração das cordas se transferem diretamente para o corpo da guitarra. Com isso, as Teles soam mais ressonantes e vibrantes do que os demais modelos da marca.

Atualmente ela também é produzida de forma que as cordas ficam presas na ponte e não passam por dentro do corpo.

Kurt Cobain, vocalista e guitarrista de Nirvana em show na Austrália. Ele veste calça jeans rasgada, camiseta azul listrada, seus cabelos voam enquanto ele canta e toca sua guitarra Telecaster Fender azul descascada. Na base da guitarra pode-se ler "Courtney", nome de sua namorada e esposa.
Kurt Cobain, vocalista e guitarrista de Nirvana em show da banda em Melbourne, Austrália em 1992. Reprodução: Reddit.

Captadores e elétrica

Na construção tradicional, como já vimos, a Tele possui dois captadores, uma chave seletora com 3 posições e 2 knobs – 1 de volume e 1 de tone.

Os captadores são ambos single coil. O captador do braço tem sonoridade aveludada, enquanto o captador da ponte oferece um som mais brilhante.

Isso, combinado com as cordas que passam por dentro do corpo, confere à guitarra aquele som cortante, que ficou conhecido como Tele Twang (Timbre de Telecaster). 

Pra ouvir: Rob Gueringer toca uma Fender Telecaster modelo American Ultra Telecaster.

Novas versões da Guitarra Fender Telecaster

Com o passar do tempo a Fender e a Squier lançaram novos modelos de Telecaster, com novos designs e diferentes sonoridades.

É o caso da Squier Telecaster Classic Vibe 70’s, que diferente do modelo tradicional, possui um escudo enorme, 4 knobs (2 de volume e 2 de tone), chave seletora acima das cordas e além do captador single coil da ponte, possui um humbucker próximo ao braço.

Outro exemplo é a Guitarra Fender Squier Contemporary Telecaster que possui dois captadores humbucker.

Legado

A Telecaster é uma guitarra que continuou sendo produzida e atualizada desde seu lançamento na década de 50. Portanto, ela realmente deve ser uma ótima guitarra para se ter, independente do estilo que se toca!

Confira todos os modelos de Telecaster disponíveis no site da Musica Center aqui.

Até mais!


Leia também:


Isabela Leite é redatora do blog Café no Estúdio e SEO da Musica Center. Técnica de som e roadie temporariamente parada por conta da pandemia, toca guitarra e canta na banda Metromanas, é sound designer na Titubá Produções e encabeça o projeto musical Bile Bauer.

Fontes:

https://www.vintageguitar.com/

https://en.wikipedia.org/wiki/Fender_Telecaster

PMTV UK

Squier Brasil

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *